A página TH está disponível para os navegadores: Google Chrome, Ópera, Firefox, Edge e Internet Explorer nas versões 10 e 11 .

Acerte na entrega, garanta um last mile efetivo para seu cliente

De acordo com estudos da Ebit|Nielsen (Impactos da Covid-19 no Comportamento do e-commerce Brasileiro), o total de compras virtuais cresceu 3,3% em abril deste ano, mantendo uma tendência de aumento. Considerando essa previsão, garantir uma entrega segura e no prazo prometido, certamente fará toda a diferença na otimização dos custos e na sustentabilidade da sua marca, em um mercado bem concorrido.

E, dentro deste cenário, as companhias de transportes vêm se reinventando e melhorando processos, principalmente para a entrega da carga fracionada, que exige um planejamento logístico mais aprimorado no last mile delivery (útima milha de entrega). Estas empresas precisam atender à demandas mais pulverizadas de menores escalas, sustentando os custos operacionais reduzidos e com qualidade.

Desafios a vencer

Manter a qualidade destes serviços de envio das mercadorias ao cliente final, com diferenciais reconhecidos por seus clientes, passa a ser cada vez mais um desafio importante a vencer. A metodologia Agile passa a ser utilizada, visando processos mais inteligentes e maior produtividade.

Novas formas de delivery são oferecidas, como o Ship From Store, que vem diminuindo o tempo de entrega, desafogando os Centros de Distribuição e reduzindo custos. Esta modalidade permite a utilização das lojas físicas próximas ao consumidor, sem a concentração apenas nos estoques dos CDs. O cliente pode ainda optar por receber sua compra em casa ou mesmo buscar nas lojas.

Mais algumas dicas que podem fazer a diferença nessa logística

  • Planejamento: Avalie bem os dados que possui e busque sempre qualificá-los, para poder calcular melhor o tempo de carregamento, as rotas específicas e ratificar os endereços de entrega, oferecendo prazos menores e não comprometendo o last mile;
  • Diversifique a forma de transporte: Considere todos os tipos de veículos, em relação às diversas formas de entregas, otimizando seu processo logístico em tempo, custo e experiência final do cliente, podendo considerar, inclusive, o agendamento do delivery;
  • Utilize novas tecnologias: Invista em sistemas específicos que suportem seu planejamento e execução do serviço, tanto na transmissão de dados e emissão de relatórios quanto na avaliação do tempo e rastreamento on-line das entregas, utilizando inteligências de geolocalização e bigdata.

A partir destes desafios, a Sistemas TH pode ajudar às empresas que atuam neste processo logístico, apoiando os processos de atualização, enriquecimento e validação de dados cadastrais, através das plataformas Sip Web Browser e Sip Web Sevice.

Estas soluções processam, com segurança, legalidade de dados e estabilidade de sistema, informações confiáveis que podem evitar entregas a endereços inexistentes ou incompletos.
Além disto, podem também suportar o seu atendimento, via SAC, e reduzir custos, minimizando devoluções ou avarias da mercadoria.

Programe melhor seu last mile.

E-commerce em tempos de pandemia: tendências de um novo normal

O COVID-19 chegou e a pandemia trouxe mudanças importantes (e talvez duradouras) para economia mundial.

Impactos negativos, na maioria, como nas indústrias do turismo, aviação, eventos e comércio físico, além do comportamento social, que se tornou mais arredio. Contudo, nem tudo é tão ruim, e alguns segmentos, como o de e-commerce, vêm apresentando um aumento crescente e bem significativo.

Vamos, então, focar nesse aspecto positivo e entender melhor as tendências desse crescimento!

Pois é, o e-commerce brasileiro cresceu 81% em relação ao mesmo período do ano passado, com um faturamento em torno de R$ 9,4 bilhões em abril (portal Compre&Confie). Falando um pouco mais de números, de acordo com estudos da ABComm, surgiram 80 mil novas lojas virtuais. Podemos citar, inclusive, o Mercado Livre, que conquistou 2,6 milhões de clientes novos, só no Brasil; alta de 28%.

Ainda sobre essa pesquisa, vemos que o setor de Beleza e Perfumaria, que a princípio estimava uma queda, devido ao isolamento social, mostrou-se mais forte do que nunca e apresentou um crescimento considerável de 83%. Com certeza, fala mais alto a necessidade de mantermos a auto-estima e a saúde física e mental.

Ainda nessa linha, alguns outros produtos que se destacam são os de higiene, alimentos e bebidas, remédios, novos serviços de Streaming e cursos por distância (EAD).

Realmente, um cenário de vendas on-line incrível, considerando o momento de crise global.

E, justamente devido a essa tendência de crescimento acelerado, a indústria do comércio eletrônico precisou correr ainda mais e se preparar para a ampliação da demanda, que gerou implicações tanto na logística interna quanto na externa e reversa.

Sim, e a partir desse ciclo logístico, a transformação digital se faz cada vez mais presente, visando uma venda online mais produtiva.

Não há dúvidas de que a precisão de procedimentos mais automatizados e integrados tendem a gerar melhorias no desempenho e otimização dos resultados. E esse processo incide, desde a adequação de novos espaços de armazenamento de mercadorias até o atendimento, com o público (SAC) e entregas rastreáveis dentro do prazo.

Aliás, vale a pena ressaltar este ponto da entrega dos produtos e as preferências do consumidor por fretes gratuitos. Esta procura tem intensificado conflitos entre as empresas de comércio eletrônico e as de transportes, em negociações bem apertadas.

Dentro deste contexto, a Sistemas TH continua apoiando as empresas de e-commerce e pode ajudar a vender com mais sustentabilidade. Apoiamos sua cadeia logística, tanto no atendimento do seu cliente quanto na prevenção de perdas em produtividade por reclamações, devoluções de produtos e até mesmo por fraude.

Conheça melhor nossas plataformas de informações cadastrais (SIP WB e SIP WS), via browser ou API, que maximizam o onboarding do seu target, possibilitam a localização atualizada das entregas, além de validarem os dados informados.

Nosso core é a informação e sempre processar o dado mais confiável com segurança e tecnologia de ponta, há mais de 20 anos. Nossa preocupação é, primeiramente, entender a sua necessidade, para depois direcioná-lo à solução mais adequada.

O novo normal já se mostra positivo para o e-commerce e a TH pode apoiá-lo nessa expansão.
Entre em contato com nossos especialistas!

Fraude no e-commerce: mercado se mostra alerta!

O comércio eletrônico brasileiro cresceu 12% no Brasil e teve um faturamento superior a 53 bilhões em 2018, de acordo com estudos do Ebit/Nielsen. São números bem expressivos, considerando fatores negativos ocorridos, como a greve dos caminhoneiros, quando o comércio eletrônico deixou de faturar cerca de R$ 400 milhões no país.

Diante desse crescimento expressivo no ano passado, é bom analisarmos também como a Fraude on-line vem se comportando em 2019. Afinal, a fraude gera grandes perdas, não só no aspecto financeiro, mas também no relacionamento, podendo gerar grandes desgastes entre a loja virtual, meio de pagamento e consumidor.

Uma tentativa de fraude a cada 6,5 segundos!

Sim, foram cerca de 220 milhões de pedidos realizados pelo comércio eletrônico brasileiro, com quase 5 milhões de investidas criminosas contra lojas virtuais em nosso país (fonte: Associação Brasileira de Comércio Eletrônico-ABComm).

A taxa de tentativas de fraude contra lojas virtuais até sofreu uma queda em torno de 27%, de acordo com estudos realizados pela Konduto. Contudo, atenção, porque essa queda não pode ser avaliada como sendo quantitativa e sim, qualitativa, considerando que houve um aumento maior nas transações eletrônicas e no amadurecimento do e-commerce, que se mostra muito mais preparado.

O que o mercado vem percebendo em 2019?

  • As estimativas de crescimento durante o ano é de 19%, representando um aumento significativo de quase R$ 80 bilhões (ABComm);
  • Busca por modelos ou tecnologias inovadores para combate à fraude, com compartilhamento de conhecimento entre as empresas envolvidas no processo: grandes lojas virtuais, meios de pagamento, emissores de cartão, bancos e sistemas antifraudes;
  • A tecnologia NFC (near field communication), de pagamento por aproximação de cartão, vem crescendo em todo mundo, gerando uma atenção maior para os riscos de fraude e roubo de dados nas transações efetuadas;
  • Importância da validação de dados cadastrais, na análise de risco e prevenção à fraude, tendo como origem empresas especializadas e com credibilidade no mercado;
  • Os produtos e serviços mais visados para fraude continuam sendo os que possuem maior liquidez, como eletroeletrônicos, e-wallets, passagens aéreas e rodoviárias e autopeças;
  • Novas formas de fraudes on-line, que cada vez são mais criativas, versus a falta de leis eficazes, no Brasil, para punir e investigar crimes cibernéticos, representando um risco crescente e perigoso.

Perante esse cenário, buscar parceiros confiáveis, que oferecem suporte durante todo o processo de venda digital, seguramente é um primeiro passo a seguir pelo e-commerce.

A Sistemas TH possui tecnologia de ponta integrada e soluções de apoio à prevenção de fraude, considerando informações cadastrais qualificadas, que minimizam a fraude de subscrição, a partir da rede de relacionamento familiar e comercial dos compradores. Essas soluções TH podem também subsidiar sistemas de gestão de Fraude, que se utilizam do machine learning e big data. Além disso, oferece conexões seguras, através de IPs fixos de internet, estabilidade, com o melhor tempo de resposta e servidores com dupla abordagem de contingência, estando em conformidade com as leis vigentes de proteção aos dados pessoais; também disponibiliza acessos otimizados à Receita Federal, para o status de pessoas e empresas, a preços mais competitivos.

Permaneça alerta e minimize suas perdas pela fraude no comércio eletrônico.